Vênus

Vênus, de Sandro Botticelli
  • Raça: Deusa Olímpica
  • Aspectos: Deusa da Beleza; Deusa do Amor; Deusa da Sedução; Mãe do povo romano.
  • Cônjuge: Casada com Vulcano, e amante de Marte.
  • Filiação: Urano
  • Descendentes: Cupido (Éros); Hermafrodito; Anteros; Medo, Pânico e Harmonia; Himeneu; Príapo; e Enéias (ancestral do povo romano)
  • Aliados: Vulcano; Marte; Júpiter; Cupido; Hermafrodito; Adônis; as Graças.
  • Plantas relaccionadas: Flores vermelhas; murta; aloe; erva de santa maria; canela; prímula; ipê amarelo; hortelã; melissa; hibisco; pachuli; rosa; pinho; cerejeira.
  • Atributos e símbolos: Espelho; madrepérolas; pomba.
  • Signo associado: Touro.
  • Festival romano:  1 de Abril.

 "E logo à linda Vênus se entregavam, amansadas as iras e os furores" – Camões

Vênus Calipígia
Vênus (Afrodite) nasceu da espuma do mar, numa concha de madrepérola após os testículos do Céu (Urano) caírem no Mar. Foi cultuada pela primeira vez na ilha de Cítera, onde foi conhecida também como Citérea. É considerada a mais bela Deusa, e ela inveja toda mortal que seja tão bonita quanto ela. Ela foi a primeira Deusa Olímpica a existir. Vênus já se relaccionou com a maioria dos Deuses do Olimpo, principalmente Marte.
Seu culto é bem antigo, e era relaccionado à maternidade, fertilidade, e também ao mar. Com o passar do tempo, a religião grega foi se unificando e se patriarcalizando, fazendo de Vênus uma Deusa erótica. Vênus é o principal arquétipo da figura feminina, sedutora, suave e pacífica. Sua imagem promíscua é um tanto preconceituosa perante o carácter de mulher, mas também está relaccionado à beleza e à graça que a Deusa abrange como figura feminina, e também a um poder sexual divino. Vênus rege também o amor, a agregação.


Um dia, quando seu marido, Vulcano, estava ausente, a Deusa seduziu o Deus Marte, e com ele copulou. Ela fazia sempre isso, até que seu marido armou um plano de capturá-los em flagrante. Com uma rede de fios bem resistentes, prendeu-os enquanto estavam na cama. Todas essas aventuras eróticas de Vênus a torna uma Deusa da Sedução, uma Deusa do Sexo.
No mito da Guerra de Tróia, durante a festa de um casamento divino, a Deusa Éris apresentou um pomo de ouro para três Deusas Olímpicas, Juno (Hera), Minerva (Atena) e Vênus. O pomo era destinado à Deusa mais bela, gerando uma briga para saber qual é a mais bela e quem deve ganhar o pomo. No final, a decisão ficou a um pastor troiano chamado Páris, que escolheu Vênus como a mais bela. Assim, a Deusa realizou o seu desejo de desposar da mulher mais bela da Grécia.

No livro português Os Lusíadas (Luiz de Camões) diz que Vênus apoiou os portugueses a chegarem às Índias, enquanto o Deus Baco os atrapalhava. Ela adora os portugueses, pois vê neles uma semelhança com o antigo povo romano.

Em termos de dualismo divino, Vênus e Marte formam uma dualidade. Vênus é o arquétipo da mulher, enquanto Marte é o arquétipo do homem. Vênus é a suavidade, a recepção, enquanto Marte é a agitação, a projecção. Vênus e Marte representam a atração sexual entre a mulher e o homem, pois, enquanto sendo opostos, sempre se amarão e desejarão estarem juntos, pois um completa o outro, tudo precisa de seu oposto, formando a harmonia cósmica.

Quero lembrar-lhes que nem toda escultura e desenho com o nome de "Vênus" é Vênus. Por exemplo, Vênus de Willendorf  não é a Deusa Vênus Afrodite. Muitas dessas antigas estatuetas de supostas Deusas-Mães são baptizadas como "Vênus" pois a Deusa Vênus é considerada uma Deusa-Mãe dos antigos romanos.

3 comentários:

  1. Hino órfico a Aphrodítê traduzido do espanhol:

    LV. A APHRODÍTÊ

    Celestial e por muitos hýmnoi celebrada, sorridente Aphrodítê, nascida da espuma marinha, deusa geradora e veneranda amante da noite; unificadora de apaixonados noturnos, mãe de Anánkê (Necessidade), tecedora de enganos. Pois tudo é parte de ti, e pusestes sob tua dependência a ordem universal; exerces teu poder sobre as três partes e geras tudo quanto existe no céu, na fértil terra e nas profundezas do mar , venerável companheira de Bákkhos. Que se compraz nas festividades, propiciadora das bodas, mãe de os Erótes (Amores), Peithó (Persuasão) que se compraz no leito, arcana, dispensadora de graça, visível e invisível, de formosas tranças, filha de ilustre pai. Comensal nupcial dos deuses, soberana, loba, prolífica, apaixonada pelos homens, muito ansiada, vivificadora, que enlaças aos mortais por necessidades que não admitem freio e a muitos povos os cativa pela desenfreada força da paixão amorosa. Vem, pois, divina prole nascida em Kýpros, estejes no Ólympos, soberana deusa, alegre com teu belo rosto, te moves também pelo solo de Syría, rica em incenso, nas planícies, com teus áureos carros, ocupes as frutíferas águas do sagrado Aígyptos, já, igualmente, em teu carro de cisnes, ao Póntos agitado te encaminhes e te alegres com as evoluções circulares dos seres marinhos, ou bem te deleites com as Nýmphes de azulado rosto na divina terra, ao longo da arenosa costa do mar entre ligeiros saltos, ou bem te encontres, soberana, em Kýpros, teu sustento, onde as formosas donzelas celibatárias e as Nýmphes te celebram ao longo de todo o ano, a ti, bem-aventurada, e ao imortal e casto Adônís. Vem, afortunada deusa de figura tão encantadora, pois te invoco com ânimo puro e piedosas palavras.

    ResponderExcluir
  2. LVI. A ADÔNÍS

    Incenso odoroso

    Escuta minha súplica, divindade gloriosa e ótima, de abundante cabeleira, amante da solidão, com variado repertório de deleitosos cantos, Eubouleús, multiforme, manifesto nutridor de todas as coisas. Donzela e rapaz, a sua vez, sempre és uma prole para todos, Adônís, extinguido e reluzente, por outro lado, nas formosas estações que se renovam; fomentador da vegetação, bicorne, encantador, honrado entre lágrimas, de brilhante aspecto, que desfrutas com a caça, peludo. Bondoso, doce cria de Kýpros, prole de Érôs, iluminado no leito de Persephónê de encantadoras tranças; que habitas às vezes no sombrio Tártaros e outras levas tua perfeita figura ao Ólympos. Vem, pois, bem-aventurado, fornecendo os frutos da terra a teus iniciados.

    ResponderExcluir
  3. Adorando o site! coloquem também as divindades inimigas de cada deidade, as aversões caso tenha, a cor para velas e os epítetos fica muito bom XD

    ResponderExcluir